Bioestimuladores de colágeno: conheça os tratamentos queridinhos do momento

em 22 março 2021

 


Bioestimuladores de colágeno: conheça os tratamentos queridinhos do momento

Pele saudável, firme e com aquele glow natural. Provavelmente, dez entre dez mulheres desejam isso. Dos procedimentos estéticos mais procurados, os bioestimuladores são, sem dúvida, os que mais entregam benefícios para quem quer manter a pele sempre jovem. 

“Os bioestimuladores são procedimentos que causam uma leve inflamação na derme, fazendo com que as células responsáveis pela produção do colágeno passem a produzir novas fibras que dão mais sustentação à pele. Alguns também agem preenchendo a região e podem substituir outros procedimentos mais clássicos. Por tantos benefícios e resultados altamente satisfatórios, os bioestimuladores têm sido os mais queridinhos do consultório”, explica a Dermatologista especialista em Estética e membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), Dra. Nádia Bavoso. 

Entre os principais, podemos destacar:

Sculptra - trata diretamente a flacidez de regiões como glúteos, abdômen, coxas e braços. Pode ser usado no rosto, desde que em regiões com pouca movimentação, como nas têmporas, e deve ser evitado na área dos olhos e boca. Ao estimular o colágeno, melhora o contorno corporal e facial, além de minimizar rugas e marcas de expressão mais leves. A aplicação dura em média 40 minutos e o paciente precisa fazer uma massagem após o procedimento para evitar o surgimento de micronódulos na região. 

Radiesse - proporciona preenchimento imediato e estimula a produção de colágeno através de uma substância chamada hidroxiapatita de cálcio. O resultado é uma pele naturalmente mais firme. Sua indicação é para rugas e marcas de expressão mais graves no rosto. Também tem ótimo resultado nas mãos, pescoço, colo, parte interna do braço e do joelho. Tratamentos com ultrassom potencializam o combate à flacidez. A sessão dura 40 minutos.

Ellansé - procedimento indicado para peles mais maduras ou que perderam muita firmeza depois de uma perda de peso intensa, como no caso de pacientes que fizeram redução de estômago. Devolve volume e a aparência saudável para a pele. Não pode ser aplicado nos lábios e pálpebras. Chega a dar 30% mais volume que aplicações de ácido hialurônico, por isso, é preciso escolher um profissional bem habilidoso na técnica. Se somado a tratamentos que usam laser ou ultrassom, potencializa a produção de colágeno. Pode causar hematomas e cada aplicação dura em média 30 minutos. Dos bioestimuladores, ele é o mais duradouro. 

“A duração de cada procedimento varia em torno de 1 ano a 1 ano e meio, mas isso depende muito da pele da paciente. Outro fator importante é o estilo de vida: manter alimentação equilibrada, exposição solar saudável e rotina de atividade física também potencializa os resultados”, afirma a Dra.  

 


Sobre Dra. Nádia Bavoso
Dermatologista, membro titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), formada pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), tem mestrado pela mesma instituição e faz parte do corpo docente da UNIFENAS (BH). É sócia da Clínica Eveline Bartels, uma das mais conceituadas em medicina estética de Belo Horizonte.

Nenhum comentário , comente também!

Postar um comentário

Qualquer comentário que agrida ou ofenda a administradora ou qualquer outro(a) leitor(a) será imediatamente excluído.
Fiquem a vontade para comentar,o espaço é seu.